está aqui: home > exóticos > furão

Envie a um amigo
Recomende o vivapets
de:


para:


mensagem:

[ enviar ]
Página adionada aos Favoritos 

Furão

Muito sensível e brincalhão (outros nomes: Ferret, Toirão e Tourão.)

Furão
origem:Egipto
data de origem:1500 a.c.
esperança de vida:6 a 8 anos
nome científico:Mustela Putorius Furo
família:Mustelidae
tamanho:35 para 60 cm
conservação da espécie: segurahábitos sociais: em grupo
Adicionar aos meus items favoritosÉ um perito nesta raça?envie esta página a um amigoadicione um comentárioadicione um link
Adicione esta raça aos seus tópicos favoritos
Esta funcionalidade exige que esteja registado no VIVAPETS

Pode fazer o login da sua conta ou criar uma nova conta.
É um perito nesta raça?
Esta funcionalidade exige que esteja registado no VIVAPETS

Pode fazer o login da sua conta ou criar uma nova conta.
envie esta raça a um amigo!
Preencha o formulário abaixo

o seu nome:
o seu email:
nome do seu amigo:
email do seu amigo:
comentários:
 

História [ editar ]

O Furão, científicamente denomidano por Mustela putorius furo, é um pequeno carnívoro cuja domesticação foi levada a cabo pelo egípcios (mesmo antes dos gatos). Antigamente, este animal muitas vezes confundido com um roedor, era utilizado para caçar pequenos esquilos, e coelhos.

É uma excelente companhia que facilmente adopta o ritmo e os horários do dono. Enquanto o dono não está em casa o Furão aproveita para dormir e quando este chega logo desperta e se disponibiliza para brincar sem parar.
a editar: História [ fechar ]
Esta funcionalidade exige que esteja registado no VIVAPETS

Pode fazer o login da sua conta ou criar uma nova conta.

Alojamento [ editar ]

Normalmente os furões são mantidos em pequenas gaiolas o que não os incomoda muito desde que tenham diariamente a oportunidade de sair e brincar algumas horas por dia ou mesmo dar um passeio pelo parque. Se optar por deixar o seu furão sozinho em casa verifique e neutralize todos os potenciais riscos (tomadas, objectos cortantes, gavetas abertas, objectos importantes…) e pequenos objectos que ele habitualmente gosta de esconder.
a editar: Alojamento [ fechar ]
Esta funcionalidade exige que esteja registado no VIVAPETS

Pode fazer o login da sua conta ou criar uma nova conta.

Alimentação [ editar ]

Os furões devem ser alimentados com ração própia para furões à qual se pode acrescentar carne de vaca e de galinha. Como alternativa, pode-ser recorrer à ração para gatos (sem peixe ou verduras). Mas os furões são animais carnívoros e necessitam de bastante proteína e gordura na sua dieta.

Este animal aprecia bastante guloseimas e frutas secas, mas estas devem ser evitadas, uma vez que o seu sistema digestivo pode não as conseguir processar. Não dê ao Furão: frutas, legumes, verduras ou leite. Apesar de ser uma boa fonte de proteínas, deve evitar que o peixe seja o principal alimento do furão. No estado selvagem os furões não comem peixe e quando incluídos na dieta, geralmente não gostam do sabor.
a editar: Alimentação [ fechar ]
Esta funcionalidade exige que esteja registado no VIVAPETS

Pode fazer o login da sua conta ou criar uma nova conta.

Hábitos sociais [ editar ]

Dia e de noite o furão está activo entre 10 a 45 minutos a cada duas horas. No Inverno, apesar de passar a maioria do tempo na sua toca, o furão não hiberna. Manter-se na toca, permite-lhe conservar energia e calor.

Os dois sexos vivem separados e cada furão marca uma área com o seu odor almiscarado, produzido por glândulas anais para avisar os vizinhos de que se devem manter afastados.

Na Primavera, os machos tornam-se menos territoriais enquanto procuram parceiras. Os machos mais velhos tendem a procurar o maior número possível de parceiras, enquanto que os machos jovens costumam ficar durante algum tempo a "guardar" a sua fêmea para evitar que ela acasale com outros machos.

Pouco tempo depois da fêmea ter sido fertilizada, o ovo no interior do útero interrompe o seu desenvolvimento. As crias só nascem depois do início da Primavera seguinte. A mãe é a única responsável pela criação da ninhada. É um trabalho árduo, uma vez que necessita de uma grande quantidade de alimento diário para conseguir amamentar e arranjar alimento para todas as crias.

O furão está bem adaptado para matar pequenas presas ou até mesmo coelhos, que são bem maiores do que eles próprios. O corpo em forma de tubo e a sua cabeça afilada são perfeitos para perseguir presas por dentro de túneis escuros e apertados. Altamente activo, espeta o seu focinho em buracos e cavidades por todos os seus territórios de caça. Depois, fica escondido ou usa trilhos de ratazanas.

Estes caçadores astutos são perseguidos desde há séculos, capturados por causa da pele e para serem usados em pesquisas científicas. Mas as principais ameaças do furão em estado selvagem são o frio e a fome que matam 80% das crias no seu primeiro ano de vida. A população de furões também depende da sorte das suas presas, que passam por alterações populacionais. A mixomatose, um vírus letal que afecta os coelhos, desvastou muitos furões em meados da década de 50. Foram precisos 20 anos para que a recuperação deste perseverante mustelídeo fosse completa. Actualmente, o furão não se encontra ameaçado em nenhum local.
a editar: Hábitos sociais [ fechar ]
Esta funcionalidade exige que esteja registado no VIVAPETS

Pode fazer o login da sua conta ou criar uma nova conta.

Descrição [ editar ]

Pernas curtas, um corpo muito alongado e um focinho em forma de cunha com dentes afiados, fazem do furão um dos mais eficazes pequenos mamíferos predadores. Rápido e ágil, é um bom trepador e nadador.
a editar: Descrição [ fechar ]
Esta funcionalidade exige que esteja registado no VIVAPETS

Pode fazer o login da sua conta ou criar uma nova conta.

Higiene [ editar ]

Relativamente à higiene, o Furão requer algum cuidado pois possui um cheiro característico que pode incomodar os narizes mais sensíveis. Pode-se dar-lhe banho (no máximo uma vez por mês) para manter a higiene do bichinho mas não com fins de eliminar o cheiro. Perfumes para gatos não são aconselhados pois o furão é um animal muito sensível, pode ganhar alergias. Caso os utilize, so irão disfarçar o cheiro durante algumas horas, pois o cheiro que o furão larga irá tornar-se ainda mais forte. Durante o tratamento, seja delicado pois o furão é um animal muito sensível.
a editar: Higiene [ fechar ]
Esta funcionalidade exige que esteja registado no VIVAPETS

Pode fazer o login da sua conta ou criar uma nova conta.

Saúde [ editar ]

Os furões devem ser vacinados contra a raiva e a esgana, sendo esta última mais importante e verdadeiramente indespensável! Ambas as doenças são potencialmente mortais, mas em Portugal a raiva está considerada extinta. Deve aconselhar-se junto do veterinário do seu furão. De qualquer maneira, a vacina contra a raiva só deverá ser administrada após os 8 meses de idade.

Quanto à vacina da esgana, uma vez que é dada em três doses, o veterinário irá decidir as datas de vacinação. A primeira deverá ser às 8 semanas, a segunda dose será 3 semanas após a primeira e a última passadas outras 3 semanas. Anualmente, deverá ser feito um reforço desta vacina.
a editar: Saúde [ fechar ]
Esta funcionalidade exige que esteja registado no VIVAPETS

Pode fazer o login da sua conta ou criar uma nova conta.

Macho vs Fêmea [ editar ]

Geralmente os machos têm o dobro do tamanho das fêmeas e estas têm o focinho mais pontiagudo que os machos. Em contra partida o odor nas fêmeas quase não se nota, sendo mais acentuado nos machos.

As fêmeas têm cios complicados e a esterilização é muito despendiosa. Nos machos tanto pode optar pela esterilização como pela vasectomia (não remoção dos testículos), sendo esta mais despendiosa do que a primeira. Com a esterilização o odor praticamente desaparece.

As fêmeas apenas deixam de estar com o cio se acasalarem, caso contrário o cio não desaparece e ela pode vir a sofrer de anemia (potencialmente mortal). Devido ao cio a vulva incha, tornando propício o aparecimento de infecções a nível genital e uterina. Se a fêmea acasalar, irá ter uma ou duas ninhadas por época, e provavelmente não irá poder ficar com elas todas. Sendo o furão considerado actualmente um animal ilegal, não irá ser fácil arranjar  quem os adopte!

Caso opte pelo macho e não o esterilizar, vai ter de se adaptar ao seu cheiro almiscarado e às marcações de território por toda a casa!

Ambos os sexos, nunca devem ser esterilizados antes dos 8 meses.
a editar: Macho vs Fêmea [ fechar ]
Esta funcionalidade exige que esteja registado no VIVAPETS

Pode fazer o login da sua conta ou criar uma nova conta.

Lei [ editar ]

Existem leis contraditórias em Portugal sobre a legalidade do furão: a lei de caça considera o furão ilegal, mas enquanto animal de estimação é possível registá-lo no ICNB.

Segundo um esclarecimento do Ministério da Agricultura, é possível ter um furão legal desde que sejam cumpridos dois requisitos:
  • registar o furão junto do ICNB (o registo ronda os 127 euros e a anuidade os 51 euros);
  • não circular com o furão junto a zonas de caça, uma vez que aqui impõe-se a legislação cinegética em que a presença do furão é um infracção.

Devido a estas confusões, aconselha-se os donos a transportarem com o animal o comprovativo do registo, o Regulamento 998/2003 da Comunidade Europeia e o n.º 16 da Portaria 7/2010 para explicarem a situação aos agentes de autoridade, caso abordados.
a editar: Lei [ fechar ]
Esta funcionalidade exige que esteja registado no VIVAPETS

Pode fazer o login da sua conta ou criar uma nova conta.
Adicionar novo bloco [ adicionar ]
adding: [ fechar ]
Esta funcionalidade exige que esteja registado no VIVAPETS

Pode fazer o login da sua conta ou criar uma nova conta.
[ É um perito nesta raça? Editar esta descrição(moderado) ]
Comentários (18)adicionar comentário
Esta funcionalidade exige que esteja registado no VIVAPETS

Pode fazer o login da sua conta ou criar uma nova conta.
11.01
ines_faria disse:
Seria conveniente completar a descrição da legalidade do furão, pois a questão que se coloca com maior frequência é a de como os legalizar. O registo no ICNF é feito através do preenchimento de um impresso próprio, e o animal tem de ter apenas microchip e declaraçao de cedência do criador ou loja onde foi adquirido. Não existe nenhuma obrigatoriedade de estar castrado nem existe vacinação obrigatória - embora seja aconselhada a da esgana. O grande problema é que quase nenhum tem declaração de cedência...
17.03
caramela123 disse:
Isso de ter de estar castrado nao e necessário fui informar-me e o furão não precisa estar castrado mas sim chipado e com as vacinas em dia se sair do pais e obrigatório ter a da raiva e passaporte e se pretender ser criador(a) pode registar-se como tal. em relacao a isso nao sei os requesitos pois nao pretendo fazer criacao :) espero ter ajudado beijos
12.01
rutesf disse:
Tenho 2 lindos furões machos, um com 1 ano e outro com 5 meses. São animais lindos, sociaveis e inteligentes. Os meus furões adoram ir á praia e brincar na areia. É verdade que os machos a partir dos 5 meses ficam com um odor muito forte e marcam o território em toda a casa, por isso mesmo recomendo que castrem os bichinhos, vão notar as difenças logo. Ficam mais meigos e o cheiro praticamente desaparece. Os donos ficam mais felizes e eles tambem, ah e a partir dos 5 meses já podem ser castrados. Os meus foram castrados com 5 meses e estão lindos e saudáveis. São animais incriveis :)
17.01
savinti disse:
a lei diz que eu tenho que o registar , para o registar tenho que pagar 120 euros mais 50euros por ano , mas para registra-lo ele tem que estar chipado e castrado , e o veternario diz que so pode castralo aos 8 meses .entao eu fui GNR e disse que tinha um furao expliquei a lei para eles e que o meu furao nao tinha ainda 8 meses para ser castrado para ser resgistrado e que queria saber como era para andar com ele na rua. o certo é que tive que ir lá a GNR 2 vezes e eles nao souberam me responder nada concreto , entao foi pela logica se um pitbull so é obrigado a usar ensaime ao 6 meses antes disso eles nao podem dizer nada , entao eu ando com o meu na rua ate aos 8 meses kkk depois disso logo se ve pk eu nao concordo em castrar os animais pk tambem nao gostava que me fizessem o mesmo
26.10
LaisaDegiane disse:
eu tenho tanta vontade de ter um, sao lindos.
21.12
catiasofia1 disse:
ola eu tenho um e gostava de saber se ja se pode legalisalos em portugal
05.03
umeda disse:
Olá . Eu tenho um casal !!! São uns amores . Ele é super meigo . E sem dúvida q fêmea não tem quase cheiro mas o macho .....
05.02
caleiras disse:
ola, ter um furão e das melhores coisas,tive um durante 5 meses, e fiquei com uma amizade enorme, mas por ser ilegal, numa ida ao veterinário fui me aprendido, eu peso a todas as pessoas que querem ter estes animais, para tentarem fazer os possíveis para este ficar legal, para mim e o melhor animal domestico que se pode ter, porque tem sentimentos.
25.10
jymy disse:
eu descobri um (alias uma)furao a dias,tem uma mordidela bastante grande no pescoço,que inflamou e estava bastante feia,neste momento esta em convalescencia e a recuperar muito bem!!! espero que alterem a lei depressa pois quero poder passear com o meu na rua sem medo que mo apreendao
26.09
MartaOscar disse:
Quem me dera ter um furão so loca por eles!!!!
rede vivapets:  Português Português English English Español Español Deutsch Deutsch