está aqui: home > répteis > tartaruga russa

Envie a um amigo
Recomende o vivapets
de:


para:


mensagem:

[ enviar ]
Adionar a página aos Favoritos 

Tartaruga Russa

 (outros nomes: Tartaruga Afegã, Tartaruga da Estepe, Tartaruga da Ásia Central, Tartaruga Horsfield, Russian Tortoise)

Tartaruga Russa
origem:Sul do continente Asiático
data de origem:Holoceno
esperança de vida:20 a 50 anos
nome científico:Testudo Horsfieldii
família:Testudinidae
tamanho:15 para 23 cm
temperatura:2 para 29 °C
Adicionar aos meus items favoritosÉ um perito nesta raça?envie esta página a um amigoadicione um comentárioadicione um link
Adicione esta raça aos seus tópicos favoritos
Esta funcionalidade exige que esteja registado no VIVAPETS

Pode fazer o login da sua conta ou criar uma nova conta.
É um perito nesta raça?
Esta funcionalidade exige que esteja registado no VIVAPETS

Pode fazer o login da sua conta ou criar uma nova conta.
envie esta raça a um amigo!
Preencha o formulário abaixo

o seu nome:
o seu email:
nome do seu amigo:
email do seu amigo:
comentários:
 

História [ editar ]

A Tartaruga Russa é uma tartaruga terrestres originária que habita a região sudeste da Rússia, a zona Este do Irão e o Noroeste do Paquistão e Afeganistão. As zonas que escolhe para viver são geralmente áridas e arenosas ou desertos rochosos, mas a tartaruga concentra-se em regiões perto de cursos de água onde a relava e outra vegetação é abundante. Podem ser encontradas a altitudes consideráveis, 1500 metros ou mais.  

A Tartaruga Russo gosta de cavar e deve ter acesso a solo arenoso para o poder fazer. Na natureza, estas tartarugas têm um período de actividade muito curto e só totalmente activas durante apenas 3 meses. Elas hibernam durante o Inverno e estivam durante o Verão, quando a temperatura é elevada.
a editar: História [ fechar ]
Esta funcionalidade exige que esteja registado no VIVAPETS

Pode fazer o login da sua conta ou criar uma nova conta.

Dieta [ editar ]

A Tartaruga Russa é herbívora e gosta de pastar. Comem uma grande variedade de verduras, fruta e flores. Dente-de-leão é a preferida de muitas. Outras que podem ser dadas com frequência: Agrião, Alfafa, Aloe Vera, Courgette, Couve Coração de Boi, Couve Lombarda, Ficus, Hibiscus, Rúcula, Trevo.

A Tartaruga Russa em ambiente selvagem apenas bebe água na altura das chuvas, onde sacia a sede nas poças. Na altura em que há água disponível a tartaruga urina. Na época mais seca, a tartaruga está adaptada para eliminar as impurezas através de ácido úrico, depósitos semi-sólidos e branco que são expelidos sem necessidade de gastar tanta água.

Em cativeiro, não se recomenda deixar a tartaruga sem beber. Deve haver sempre disponível um recipiente com água. A verdade é que na natureza, a tartaruga que se encontra com acesso a pouca água geralmente estiva, ou seja, faz uma hibernação muito leve e só sai ao nascer e pôr-do-sol, quando a temperatura não é tão alta. Em cativeiro, a tartaruga não tem esta facilidade e pode facilmente ficar desidratada ou não conseguir eliminar as impurezas.
a editar: Dieta [ fechar ]
Esta funcionalidade exige que esteja registado no VIVAPETS

Pode fazer o login da sua conta ou criar uma nova conta.

Alojamento [ editar ]

Estas tartarugas são relativamente pequenas, por isso podem ser alojadas tanto no interior como no exterior. Deve haver contudo particular atenção em relação à temperatura.

O alojamento da Tartaruga Russa deve ser amplo, mais comprido do que alto. Sendo uma tartaruga terrestres, a maior parte do terrário/aquário/aquaterrário deve ser composto por solo. Contudo, deve haver sempre uma zona com água grande o suficiente para a tartaruga poder caber completamente dentro de água.

Deve ser fornecido um esconderijo e ainda uma zona de areia que permita à tartaruga escarvar.

O aquaterrário deve ter uma boa circulação de ar, para impedir o desenvolvimento de fungos. Deve ser limpor diariamente apra evitar a propagação de bactérias.

Temperatura

Tal como a maioria dos répteis o aquecimento deve ser feito de forma a permitir uma zona quente e uma fria. As temperaturas devem começar nos 20ºC na zona fria e ir até aos 35 no basking spot, ou zona mais quente directamente por baixo da lâmpada. Durante a noite, a temperatura pode baixar para os 15ºC.

Humidade

Embora, as tartarugas russas vivam na natureza em ambientes semi-áridos, elas gostam e estão frequentemente junto à água. Para além disso, os buracos que escavam e onde se refugiam têm muitas vezes humidade à volta dos 70%. Uma humidade demasiado alta, associada a baixas temperaturas e substrato húmido pode trazer problemas respiratórios e o apodrecimento dos cascos, enquanto que uma humidade demasiado baixa pode causar desidratação. É importante manter o ambiente mais seco do que húmido, mas dar à tartaruga opção de regular isso através do acesso a água.

Substrato

O substrato mais comum é uma mistura de areia e humos de coco, mas também pode ser utilizado corncobs.

Iluminação

As tartarugas russas têm de ter lâmpadas que emitem UVB para puderem processar o cálcio. Tartarugas sem este tipo de radiação desenvolvem deformações na carapaça e podem não sobreviver por não conseguirem processar o cálcio.
a editar: Alojamento [ fechar ]
Esta funcionalidade exige que esteja registado no VIVAPETS

Pode fazer o login da sua conta ou criar uma nova conta.

Hibernação [ editar ]

A Tartaruga Russa hiberna quando a temperatura ambiente ronda os 0ºC. Em tocas debaixo do solo, a temperatura pode subir até aos 15ºC. As tartarugas jogam com a profundidade da toca para encontrar a temperatura ideal de hibernação, que deverá rondar os 4 a 5 ºC. Com esta temperatura, a tartaruga está inactiva e consome apenas gordura corporal. A tartaruga acorda novamente e reemerge quando a temperatura chega aos 8/10ºC.

Não se deve permitir que uma tartaruga pequena hiberne, pois as poucas reservas podem ser fatais. Antes de induzir a hibernação na sua tartaruga deve antes fazer um check-up para despistar doenças, presença de parasitas, etc. Quando a tartaruga hiberna, não é só o metabolismo a funcionar mais lentamente, também o sistema imunitário é suprimido.

A hibernação destas tartarugas é aconselhável, pois pode haver riscos a curto e longo prazo para uma tartaruga que não hiberna, mas se não tem a certeza se a sua tartaruga está em condições físicas para hibernar, o risco não compensa.
a editar: Hibernação [ fechar ]
Esta funcionalidade exige que esteja registado no VIVAPETS

Pode fazer o login da sua conta ou criar uma nova conta.
Adicionar novo bloco [ adicionar ]
adding: [ fechar ]
Esta funcionalidade exige que esteja registado no VIVAPETS

Pode fazer o login da sua conta ou criar uma nova conta.
[ É um perito nesta raça? Editar esta descrição(moderado) ]
Comentários (0)adicionar comentário
Esta funcionalidade exige que esteja registado no VIVAPETS

Pode fazer o login da sua conta ou criar uma nova conta.
Ainda não há comentários!
rede vivapets:  Português Português English English Español Español Deutsch Deutsch